ugg boots sale nike free 4.0 flyknit louis vuitton neverfull nike free run new balance schweiz ray ban clubmaster moncler skijacke canada goose herren lacoste schweiz ugg boots schweiz polo ralph lauren schweiz nike free flyknit ray ban outlet fred perry schweiz tommy hilfiger poloshirt barbour jacken woolrich arctic parka louis vuitton taschen louboutin zürich nike huarache

Artistas dão nome aos prédios do Condomínio

Dando sequência à divulgação dos nomes escolhidos para cada edifício do Novo Leblon, o Informativo traz um resumo da história de mais dois artistas clássicos que consagraram alguns de seus prédios. Veja quem são as personalidades do Masaccio, na Rua Oscar Valdetaro, 176, e o Michelozzo, na Rua Guimarães Rosa, 203.

Masaccio

O pintor Tommaso Grandão, chamado de Masaccio para distingui-lo de seu principal colaborador, Masolino, nasceu em San Giovanni Valdarno em 1401 e morreu em Roma em 1429. Foi aluno, em Florença, de Ghiberti e de Masolino. Seus famosos afrescos da capela Brancacci e Crucificação (Santa Maria Novella, Florença) testemunham sua reação contra o estilo gótico. Seu sentido dramático, a concepção original e forte dos volumes do espaço e do relevo são fundamentais para a estética da pintura italiana do século XV.

 

 

Michelozzo

O escultor e arquiteto Michelozzo di Bartolommeo, ou Michelozzo Michelozzi, nasceu em Florença em 1396 e morreu na mesma cidade em 1472, tendo sido assistente de Ghiberti e depois, por volta de 1425-33, de Donatello. Tornou-se, em seguida, um grande construtor a serviço dos Medici, em Florença.

 

Comentário